TCO: por que ele é tão importante para aumentar a rentabilidade do negócio

Entenda o que é o TCO e como ter este cálculo em mãos pode ajudar no dia a dia do trabalho e nas negociações

O TCO – Custo Total de Propriedade (Total Cost of Ownership) é um cálculo realizado com o objetivo de ajudar na avaliação dos custos, assim como os benefícios relacionados à compra de componentes de Tecnologia da Informação.

O cálculo do TCO é feito a partir da soma do preço de compra com todos os custos envolvidos na operação. É importante ser analisado e pode ajudar o seu negócio, porque considera o ciclo de vida útil completo do produto mostrando assim, quanto um equipamento custa realmente a longo prazo. Ele é usado para validar ou não, uma aquisição.

Para calcular o TCO com precisão, é necessário contemplar custos diretos e indiretos do projeto. As variáveis a serem consideradas envolvem itens como: manutenção, pessoal, treinamentos, depreciação, falhas, possíveis desperdícios, suprimentos, entre outros.

No nosso caso, o foco do TCO é o mercado de outsourcing de impressão. Por isso, preparamos um material especial para auxiliá-lo a desvendar este custo real.

Leia, aproveite as dicas e ao final, faça o download da Planilha de TCO. Prontinha para você usar. Confira!

TCO para impressoras

Ao investir em uma nova máquina, uma empresa precisa considerar o Custo Total de Propriedade (TCO) para evitar surpresas financeiras desagradáveis. A aquisição de uma impressora vai além do preço de compra. É preciso identificar os custos ocultos para obter o custo real da aquisição.

Com o auxílio do TCO, o vendedor precisa deixar claro para cliente quais são os custos contínuos envolvidos na compra. O mercado de MPS (Soluções Gerenciáveis de Impressão) é muito mais do que o custo por página. Comunicar essas variáveis aos clientes traz autoridade e confiança facilitando o fechamento da compra e maior possibilidade de retenção do cliente.

E quais são essas variáveis a considerar para obter o TCO?

Cada tipo de impressora e cada marca possuem particularidades e, portanto, deve ter o TCO calculado com base no mapeamento do processo de produto.

Suprimentos

Custo referente à capacidade de reposição de cartucho de toner:

  • quantos toners o modelo de impressora consome;
  • qual é o de custo para a impressora colorida e para a monocromática;
  • qual a diferença entre os valores da monocromática e da colorida;
Hardware

Considerar os processos que envolvem a impressão:

  • quais as peças que sofrerão desgaste;
  • peças de substituição;
  • kit de manutenção;
  • ciclos de manutenção programados;
  • instalação.
Manutenção

Reparos comuns do dia a dia da rotina de impressões:

  • emperramento recorrente de papel;
  • páginas em branco;
  • problemas com a correia da impressora;
  • custo do técnico de reparos;
  • treinamentos de profissionais para operar a impressora.
Logística

Considerar os custos gerados pelo processo de aquisição do equipamento:

  • transporte;
  • armazenamento;
  • estoque;
  • emissão de documentos.

Precisa de ajuda para calcular o TCO?

Como você pode perceber, o TCO é extremamente relevante para saber o custo real de uma operação porque considera a aquisição em longo prazo e seus custos contínuos. Isso, além de evitar surpresas para o comprador, ajuda o vendedor a construir uma relação de confiança facilitando o relacionamento de venda e retenção do cliente.

Preparamos uma planilha que vai ajudar você a:

– Conhecer o preço de cada elemento da venda;
– saber o custo real da sua operação
– comparar custos entre produtos;

Clique, faça o download gratuitamente e bom trabalho!

2019_10_04_Banner-Site_TCO_V2

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: